top of page

Kinteto António Ferro trouxe jazz ao Curvo Semedo


A noite de sexta-feira, 6 de outubro, levou um vasto conjunto de pessoas ao cineteatro Curvo Semedo para ouvir o Kinteto António Ferro, um músico que viveu durante vários anos em Montemor e que agora habita na região do Porto.

A música que António Ferro tocou em Montemor foi um jazz diferente, que pretende recuperar os temas tradicionais portugueses, dando-lhes novas versões que, deste modo, permitem fazer chegar o jazz a diferente públicos. Das baladas tradicionais, ao fandango e mesmo as modas de Campo Maior puderam ser ouvidas com um novo som e uma abordagem diferente. A terminar, e antes do ‘encore’, a banda tocou um tema mítico de Ray Charles, ‘Georgia on my mind’ que fez as delícias da assistência.

Um destaque também para o jogo de luzes ao longo de todo o espetáculo que surpreendeu pela positiva o público presente.

Fundado em 1992, o Kinteto António Ferro pretendeu dar novas ‘roupagens’ a músicas tradicionais portuguesas através de uma abordagem em forma de jazz, tendo os principais trabalhos sido reunidos no CD ‘Crepúsculo do Vinho’.

António Ferro trabalhou com um vasto conjunto de nomes relevantes da música portuguesa, tais como, ‘Go Grall Blues Band’, Rui Veloso, Mafalda Veiga e José Cid, entre outros.

Em palco estiveram João Santos na voz, Hugo Lopes no saxofone soprano e tenor, Hugo Raro no piano, Acácio Salero na bateria e António Ferro na viola baixo.


A.M. Santos Nabo

57 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page